JMS

Marco Brusque

O marco proposto para a cidade de Brusque não se resume somente a uma demarcação vertical utilizada pelo homem durante sua história, mas sim pela adição da verticalidade característica de um marco a uma conformação espacial. Essa soma possibilita a existência não somente de um marco urbano e sim de um equipamento urbano, no qual ocorrerá distintos eventos fomentados pela promenade proposta. Portanto, houve a necessidade da existência de uma relação mais profunda que a visual, se fez oportuna a relação sensorial topográfica, criada através de uma trama rítmica semelhante a de um tecido, que se repete e se conecta para modelar o corpo dos mais diversos usuários.


status: concurso

equipe:  Juliano Monteiro e Gustavo Utrabo

localização: Brusque SC, Brasil

ano do projeto: 2009


The landmark proposed to Brusque is not only limited to a vertical demarcation used by man during his history, but by a verticality sum to a spatial conformation. This sum allows the existence of an urban infrastructure, in which different events can occur encouraged by the proposed promenade. Therefore, there was a necessity of a deeper connection than the visual one, a topography relation was created through a complex mesh that repeats and connects itself.


Using Format